Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

terça-feira, 9 de maio de 2017

Game baiano sobre a Guerra de Canudos ganha edital da Ancine no valor de R$ 250 mil


Game baiano sobre a Guerra de Canudos ganha edital da Ancine no valor de R$ 250 mil
Foto: Reprodução / Facebook
 
A história da Guerra de Canudos ganhou um grande impulso para se tornar logo um artigo de entretenimento. Na última sexta-feira (5), a Agência Nacional do Cinema (Ancine) divulgou os ganhadores de um edital voltado para jogos eletrônicos e entre os vencedores está a franquia baiana batizada de "Árida", que vai receber R$ 250 mil para investir no projeto. A proposta da série de games é retratar um dos episódios mais famosos da história da Bahia. A franquia deve ser dividida em quatro partes, sendo que a primeira já deve ser lançada no início do segundo semestre deste ano. Os recursos da Ancine devem ser usados no desenvolvimento do segundo jogo da franquia. Como o montante tem o prazo de 14 meses para ser aplicado, a tendência é que a esta etapa do "Árida" seja lançada até o fim de 2018. "O aporte financeiro vai nos permitir ter estabilidade durante o desenvolvimento do projeto", celebrou Felipe Pereira, gerente do projeto e Lead Game Designer, em entrevista ao Bahia Notícias. "Ter eles [Ancine] como sócios vai ajudar muito", declarou. Segundo ele, os quatro jogos da franquia vão girar em torno do mesmo enredo. Eles vão contar a história uma personagem principal, chamada Cícera, uma garota de 13 anos que vive com seu avô Tião, um ex-vaqueiro idoso. "O segundo é a continuação do primeiro e assim por diante. Eventualmente existem algumas diferenças, mas o importante é que a gente mantém o universo ficcional", explicou. Depois de ganhar destaque nacional, o "Árida" agora busca apoio fora do Brasil. Segundo Felipe, o objetivo é conseguir uma bolsa do projeto GameFounders, que tem sede na Malásia e apoia projetos de jogos eletrônicos de todo o mundo. "Ainda é um processo longo. Eles nos ajudariam com processo de tutoria, análise de especialistas...", citou Felipe. Com os R$ 250 mil da Ancine, ele e os demais integrantes da sua equipe esperam elevar a qualidade do trabalho que vinham produzindo. Caso a história da Guerra de Canudos tenha sucesso na forma de game, o retorno pode ser ainda maior que o conquistado por meio do edital.

Fonte: http://www.bahianoticias.com.br/noticia/206917-game-baiano-sobre-a-guerra-de-canudos-ganha-edital-da-ancine-no-valor-de-r-250-mil.html