Veja no Blog

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

1938 - Festa de Santa Teresa


A Importância do Voto


Há, em nossa vida, certas atividades que praticamos para o bom desenvolvimento da vida em sociedade. São atividades baseadas em regras de conduta e que se constituem ao mesmo tempo, em dever e direito.

Assim, é o direito e o dever de votar, uma regra de boa conduta, estabelecida para os homens que vivem em nosso país, em uma democracia.
O alistamento eleitoral, é um contrato cívico, em virtude do qual o indivíduo é aceito e reconhecido como cidadão, adquirindo direitos e obrigando-se a deveres.

O voto é, pois, direito e obrigação cívica. O direito do sufrágio (voto) faculta ao indivíduo a oportunidade de opinar, para eleger os homens que reputar mais dignos para os cargos e funções públicas.
Aquele que não se alista, é como o que fica fora dos limites da cidade, e assim não tem o direito de opinar e nem o de exigir a sua proteção.

Uma vez incluído entre eleitores, o cidadão terá o dever de comparecer às urnas, sendo punido, caso não compareça sem motivos que o escusem.
O voto é um dever cívico; é a garantia de inúmeros direitos. Com o voto, o cidadão mantém o prestígio da lei e da ordem. Não basta votar. É mister votar bem.

Desviar o voto de sua verdadeira finalidade seria transformar o mais importante dos deveres cívicos em negócio de economia pessoal.
O voto é pessoal, livre e secreto.

Um bom voto pressupõe: discernimento mental, para distinguir o bom e o mau, a verdade e a mentira; compreensão dos problemas sociais e predominância do interesse geral sobre o indivíduo.


Fonte: http://iaracaju.infonet.com.br/users/stocker/voto.htm

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Gilmar Mendes pede vista e interrompe julgamento sobre obrigatoriedade de documentos


O ministro do STF (Supremo Tribunal Federal) Gilmar Mendes pediu vista e suspendeu o julgamento de ação do PT contra a obrigatoriedade de apresentar dois documentos na hora de votar.

A interrupção ocorreu após 7 ministros já terem votado a favor do pedido do PT. Eles entendiam que o eleitor só precisa apresentar um documento com foto na hora de votar.

Os sete votos já são suficientes para acolher a ação, mas com a interrupção nada foi decidido. Mendes afirmou que tentará trazer seu voto na sessão de amanhã.

Acompanhe a Folha Poder no Twitter
Conheça nossa página no Facebook

O Supremo julga ação direita de inconstitucionalidade contra legislação que obriga a apresentação de dois documentos --o título de eleitor e outro com foto-- na hora de votar.

A relatora do caso, ministra Ellen Gracie, apesar de não declarar a lei inconstitucional, afirmou que o eleitor só pode ser proibido de votar se não tiver consigo um documento com foto.

Ela foi seguida até agora pelos ministros Marco Aurélio Mello, José Antonio Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Joaquim Barbosa e Carlos Ayres Britto.

Faltam votar os ministros Gilmar Mendes, Celso de Mello e Cezar Peluso.

A avaliação é que o documento com foto já é suficiente para comprovar a veracidade daquele que irá proferir seu voto, já que no local de votação e na própria urna já estão presentes as informações o eleitor.

DEFESA

O advogado do PT, José Gerardo Grossi, afirmou que a exigência de dois documentos para o voto é um "excesso". "Parece que já temos um sistema suficientemente seguro para que se exija mais segurança", disse.

Ele argumentou que a alteração na lei foi feita de forma "apressada" e poderá barrar milhões de brasileiros no momento do voto no próximo domingo.

O advogado do DEM, Fabrício Medeiros, defendeu que a exigência cumulativa de dois documentos garantirá o combate à fraude e a lisura da votação. "A Justiça eleitoral passa por uma nova jornada de aperfeiçoamento eleitoral", disse. "O TSE fez uma campanha institucional maciça, que está surtindo efeito", complementou.


Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/poder/806673-gilmar-mendes-pede-vista-e-interrompe-julgamento-sobre-obrigatoriedade-de-documentos.shtml

Mega-Sena acumula e pode pagar terceiro maior prêmio da história no sábado

Do UOL Notícias
Em São Paulo

A Mega-Sena acumulou mais uma vez e, segundo estimativas da Caixa Econômica Federal, vai sortear R$ 75 milhões no próximo sábado (2), o terceiro maior prêmio da história.

Nenhum apostador acertou os números do concurso 1.218 sorteado em Cruzeiro (SP): 10 - 23 - 29 - 31 - 33 - 46.

Ao todo, 211 bilhetes acertaram a quina e levaram R$ 23.992,46 cada um. Outras 17.290 apostas acertaram a quadra e ganharam R$ 418,27 cada.

Confira os maiores prêmios já pagos:
1) No dia 31 de dezembro de 2009, dois ganhadores de Brasília (DF) e Santa Rita do Passa Quatro (SP) dividiram o maior prêmio da história, de quase R$ 145 milhões, na Mega-Sena da Virada.

2) No dia 4 de setembro de 2010, sete bilhetes acertaram os números e dividiram cerca de R$ 90 milhões. Os vencedores eram das cidades do Rio de Janeiro, São Paulo, Botucatu (SP), Manduri (SP), Osasco (SP), Praia Grande (SP) e Ribeirão Preto(SP).

3) No dia 27 de fevereiro de 2010, um morador de Jundiaí (SP), um de Brasília (DF) e um de Conselheiro Lafaiete (MG) dividiram R$ 72 milhões.

4) No dia 10 de outubro de 1999, um morador de Salvador (BA) levou sozinho quase R$ 65 milhões.

5) Em 25 de julho do ano passado, um carioca acertou todos os números e ganhou R$ 55,8 milhões

6) Um valor parecido, R$ 55,6 milhões, foi dividido por quatro ganhadores de Leme (SP), São Bernardo do campo (SP), Ibirite (MG) e Londrina (PR), em 27 de junho de 2009

7) Em setembro de 2007, um morador de Joaçaba (SC) dividiu R$ 55,5 milhões com um morador de Porto Velho (RO),


Fonte: http://noticias.uol.com.br/cotidiano/2010/09/29/mega-sena-acumula.jhtm

Pesquisa revela que Bill Clinton é o político preferido dos americanos


O ex-presidente americano, Bill Clinton, é a figura política mais popular do país, o que representa um considerável aumento de popularidade desde que deixou a Casa Branca em 2001, segundo uma pesquisa.

A enquete foi realizada pelo jornal nova-iorquino "The Wall Street Journal", em conjunto com a rede de televisão "NBC", e ouviu mil americanos. A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais.

Dos americanos ouvidos pela pesquisa, 55% declarou ter uma visão positiva do ex-presidente dos Estados Unidos, que governou por dois mandatos, enquanto 23% da população disse ter uma visão negativa de Clinton. O resultado o torna o político mais popular entre os americanos.

Quando deixou a Presidência, no início de 2001, afetado pelo escândalo gerado por sua relação com a estagiária da Casa Branca Monica Lewinsky, apenas 34% dos americanos tinha uma visão positiva de Clinton, enquanto a percentagem de insatisfeitos era de 52%.

Já o governo do atual presidente americano, Barack Obama, foi criticado por 41% dos americanos ouvidos pela pesquisa, enquanto 47% têm uma opinião positiva a seu respeito.

Quase metade dos americanos desaprova a forma como ele está conduzindo o governo, contra 46% que o aprova como presidente. Já para 54% da população ele não está administrando bem a economia, enquanto 42% se disse favorável às medidas econômicas de Obama.

Em relação à ex-candidata à Vice-Presidência por parte do Partido Republicano, Sarah Palin, a pesquisa revela que ela agrada a 30% dos americanos, contra 48% que não têm uma opinião favorável sobre ela.

As porcentagens não variaram muito em relação à pesquisa realizada em dezembro de 2008, um mês depois da vitória de Obama nas eleições presidenciais.

Os resultados da pesquisa evidenciam a forte popularidade da ex-governadora do Alasca entre os americanos, que foram mais favoráveis a ela que a outros políticos do país.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/mundo/806840-pesquisa-revela-que-bill-clinton-e-o-politico-preferido-dos-americanos.shtml

Uso de celulares nos bancos está proíbido a partir desta quarta em Salvador


Sabe aquela ligação que te salva quando você já está no banco e percebe que esqueceu de anotar o número da conta que precisa depositar um dinheiro? Em breve ela será uma infração, já que a partir desta quarta-feira (29), ficará proibido o uso de celular, rádio amadores e congêneres no interior das agências bancárias na capital baiana.

O decreto que regulamenta a Lei nº 7.850/2010 será publicado amanhã no Diário Oficial do Município (DOM).De acordo com o decreto de regulamentação, a proibição refere-se ao setor de pagamento e recebimento junto ao público, alem das áreas destinadas ao autoatendimento.

A medida tem como objetivo combater o crime conhecido como saidinha bancária, em que clientes são abordados depois de realizar saques em agências.

As agências deverão afixar placas ou cartazes em locais de ampla visibilidade, com informações sobre a Lei nº 7859/2010. O não-cumprimento da lei sujeitará às agências a multa de cem salários mínimos - cerca de R$ 51 mil, em valores atuais.

Em caso de reincidência, a multa será dobrada e uma terceira infração implicará na perda do alvará de funcionamento. A fiscalização será feita pela Secretaria Municipal de Serviços Públicos e Prevenção à Violência (Sesp), em ações de rotina, operações especiais e obrigatoriamente por denúncia.

Fonte: http://www.tribunadabahia.com.br/news.php?idAtual=60579

A ilusão e a política


Por Mauro Santayana

Como toda linguagem é imprecisa, e nos aproxima mais ou menos daquilo que pensamos, há vocábulos que podem ter dois ou mais significados. É esse o caso de ilusão. Em sua origem latina, ilusão é engano.

Eu tanto iludo o outro, quanto o outro me ilude, mas – e isso é mais importante – também me iludo.
A vida é, como tantos já disseram, apenas ilusão, sonhos que se realizam ou não, mas, no intervalo entre o nascimento e a morte, um grande e único sonho. “La vida es sueño, y los sueños, sueños son” – assim medita Calderón de La Barca, pela boca de Segismundo, príncipe polonês. Mas na grande ilusão, que é a vida, há ilusões menores. A ilusão do poder, a ilusão da riqueza, a ilusão da glória, ou de sua irmã mais pálida, a fama.

Na base dessas ilusões há um sentimento respeitável, que é o da busca do reconhecimento. O mundo é cheio de pessoas iguais, e é aceitável que todos nós, diante da inevitabilidade da morte, aspiremos a nos destacar, sair da multidão, chegar à luz, mostrar quem somos.

Uns, certos do Eterno, tornam-se santos, outros, mais práticos, buscam o enriquecimento, e há os que ambicionam o poder político.
A vida nos ensina que não é muito difícil construir destinos marcantes, desde que estejamos dispostos a alienar grande parte de nossa alma a esse objetivo.

Isso tanto vale para os santos quanto para os gângsteres. Os eremitas ganham com a solidão, mas também perdem. Não conhecem as alegrias da amizade, nem as recompensas do amor. Os gângsteres não podem descuidar-se um segundo, prisioneiros que são do medo.
A política é o território preferido das ilusões.

Como a loteria, ela se alimenta das caprichosas probabilidades. Alguns querem eleger-se pelo reconhecimento de que se julgam merecedores. Outros, pensando realmente em aproveitar a oportunidade de corromper-se e de extorquir. São os corruptos vocacionais.

Muitos nisso fazem carreira, iniciando-se como modestos servidores e, de golpe em golpe, até chegar à cota mais alta do Estado. Essa ilusão perversa, felizmente, não ocupa todo o espaço da ambição política. Há outras ilusões, como a de realmente servir à sociedade com seu talento, seu trabalho, seu saber.

Essa é a verdadeira política, a de, no exercício da ética, ser solidário, fazer do sonho, que é a vida, um sonho bom. E há a ilusão perdoável, que move muitos dos pretendentes, de sair do anonimato mediante a campanha: de ver seu próprio nome associado a dois ou três adjetivos lisonjeiros, de ver a sua imagem nos cartazes e na televisão e de ouvir a própria voz. Esses sabem que é improvável a vitória e se consolam com a efêmera glória da simples pretensão.

No fundo, no entanto, há sempre o impulso da ilusão: os números finais podem combinar-se, como nos resultados da loteria.
Como todas as campanhas, esta é plena de ilusões perdidas, e elas são evidentes. O bom candidato é aquele que encabresta as suas esperanças, domina-as com ceticismo, a fim de conduzi-las pelo melhor caminho. Mas se as ilusões dos candidatos são perigosas, mais perigosas são as do eleitorado.

Muitas vezes aqueles que nos encantam com seu proselitismo acabam por trair as esperanças nacionais – e os que não nos parecem os mais capazes despertam-nos para fazer pátria. Não é preciso recuar muito no tempo. Basta pensar nos últimos 20 anos – e nos quatro presidentes que tivemos. Em Collor e Fernando Henrique; em Itamar e em Lula.


Fonte: http://www.jblog.com.br/politica.php?itemid=23267

1939 - Cordão Infantil


Australiano coloca cinto de segurança em cerveja e não em criança


Um australiano foi multado depois de ser pego dirigindo com uma caixa de cerveja e uma criança de cinco anos no carro. Não, ele não estava bebendo - mas deu prioridade à caixa de cerveja e deixou a criança sem cinto de segurança. A caixa de 30 latas estava no banco de trás, presa pelo cinto de segurança entre dois adultos. A criança de cinco anos estava sentada no piso do carro, sem cinto. O policial Wayne Burnett diz que ficou "chocado e apavorado" quando abordou o motorista na cidade australiana de Alice Springs. "A criança estava sentada no meio do piso, sem cinto de segurança", disse. "É a primeira vez que a cerveja tem prioridade sobre uma criança", reclama.O motorista recebeu multa equivalente a US$ 710 - por dirigir um veículo sem documentação e por deixar a criança sem cinto de segurança. Fonte: http://www.tribunadabahia.com.br/news.php?idAtual=59152

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Bancários entram em greve a partir desta quarta-feira (29)


Lívia Veiga

Após quatro rodadas de negociação, os bancários baianos decidiram na noite desta terça-feira (28), aderir ao movimento nacional e deflagraram greve por tempo indeterminado.

De acordo com Adelmo Andrade, diretor de imprensa e comunicação do Sindicato dos Bancários da Bahia, a categoria reivindica reajuste de 11%, maior participação nos lucros, dentre outros benefícios.

A decisão foi tomada na noite de ontem, no ginásio do sindicato nos Aflitos, onde hoje também está marcada nova assembléia para avaliar o movimento.

“A greve foi decidida de forma unânime. Todos os sindicatos aprovaram e o movimento é nacional. Além do reajuste de 11%, reivindicamos maior participação dos lucros, já que os bancos brasileiros, no último semestre, tiveram lucro acima de R$ 24 bilhões”, afirmou Andrade.

Segundo ele, as negociações não tiveram avanço. “Os banqueiros ofereceram 4,29% de reajuste, o que não repõe nem a inflação. Além disso, não aumentariam a participação nos lucros. Foi a gota d’água. Quatro rodadas e nada avançou. Não existe aumento real. Decidimos parar”, completou.

Duas outras questões estão na pauta de reivindicação, como o fim das metas impostas pelos bancos e a isonomia, ou seja, direitos iguais em termos de recebimento de benefícios para concursados.

Mais de 20 mil bancários estão de braços cruzados a partir de hoje no estado, decisão em sintonia com a da Confederação Nacional dos Trabalhadores no Ramo Financeiro (Contraf), que contesta a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) de reajuste salarial de 4,29%.

De acordo com o presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, Euclides Fagundes, disse que a oferta patrimonial foi muito abaixo do pedido. “Diversas categorias ganharam aumento real, já os bancos, organizações que mais lucram neste país querem apenas pagar é a reposição inflacionária”, concluiu.

Fonte: http://www.tribunadabahia.com.br/news.php?idAtual=60626

Bahia: 21 candidatos ficha suja


Eles estão enquadrados nas regras definidas pela lei, mas tiveram suas candidaturas liberadas pelo Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) e dependem de um julgamento do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que irá seguir a decisão do STF.

A Procuradoria Regional Eleitoral pediu a impugnação desses 21 políticos e espera que o STF decida pela aplicação da Lei da Ficha Limpa para este ano, o que barraria a candidatura deles no TSE.

Houve outros oito pedidos de impugnação, mas que não se enquadram nas regras estabelecidas pela lei.


Confira os candidatos com ficha suja

Deputado Federal:


Antônio Calmon (PMDB) - rejeição de contas

Vasco Queiroz (PP) - rejeição de contas
Jânio Natal (PRP) - rejeição de contas

Saulo Pedrosa (PSDB) - rejeição de contas
Coriolano Souza Sales (PSDB) - renúncia para evitar cassação


Deputado Estadual:


Beto Lélis (PMDB) - compra de votos

Carlos Brasileiro (PT) - rejeição de contas

Raimundo Caires (PMDB) - rejeição de contas
José Raimundo (PT) - rejeição de contas
Astor Moura Araújo (PMDB) - rejeição de contas

Geraldo Simões (PT) - rejeição de contas

Dilson Santiago (PT) - rejeição de contas

Marco Antônio Ribeiro (PRP) - abuso de poder econômico

Misael Aguilar (DEM) - rejeição de contas

Sérgio Passos (PSDB) - rejeição de contas

Virgínia Hagge (PMDB) - rejeição de contas
Joseph Bandeira (PT) - rejeição de contas
Carlos Gaban (DEM) - captação ilítica de votos

Rui Macedo (PMDB) - rejeição de contas

Joélcio Martins (PMDB) - rejeição de contas

Maria Luiza Laudano (PTdoB) - abuso de poder econômico


*contribuiu Rita Conrado | A TARDE

Fonte: http://m.atarde.com.br/iphone/noticia/index.jsf?id=5625792&canalId=1104

Rua Professor Mesquita


A mulher sente mais frio que o homem?


Não. A sensação de calor é genética e depende da quantidade de receptores de calor sob a pele. E isso independe do sexo da pessoa.

Fonte: Guia de curiosos da internet

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Justificativa eleitoral pode ser preenchida pela internet


Agência Brasil

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) apresentou mais uma ferramenta que vai facilitar a vida dos eleitores que estarão fora do domicílio eleitoral no dia das eleições no primeiro e segundo turnos. É o preenchimento on-line e a impressão do Requerimento de Justificativa Eleitoral.

Para acessar o documento, o eleitor deve entrar na página inicial do TSE, clicar no link Serviços ao Eleitor e depois em Justificativa Eleitoral. O tribunal ressalta, no entanto, que o eleitor só deve assiná-lo na presença de um mesário, no dia da votação, nos locais destinados ao seu recebimento.

Na entrega do requerimento, o eleitor deve apresentar o título ou um dos seguintes documentos com foto: carteira de identidade ou documento de valor legal equivalente (identidades funcionais), certificado de reservista, carteira de trabalho e carteira nacional de habilitação.

O eleitor que não puder realizar a justificativa no dia da votação tem até 60 dias após o pleito para entregar o requerimento em qualquer cartório ou posto de atendimento eleitoral. Além disso, ainda pode encaminhá-lo, via postal, ao cartório da zona eleitoral onde for inscrito.

O cidadão que não votar nem justificar fica impedido de tirar passaporte, inscrever-se em concurso ou prova para cargo ou função pública, ou empossar-se neles, renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo e obter certidão de quitação eleitoral.


Fonte: http://www.tribunadabahia.com.br/news.php?idAtual=60377

Avenida Governador Lomanto Junior


CURIOSIDADES sobre ELEIÇÕES no Brasil: a 1ª ocorreu em 1532, com voto facultativo



Por Paulo Bandeira

1532 - Primeira eleição

No dia 23 de janeiro de 1532, aconteceu a primeira eleição no país - para o conselho municipal de São Vicente (SP), a primeira vila fundada na então colônia portuguesa. As eleições foram livres, universais e indiretas. O povo escolheu seis representantes, que depois elegeram os oficiais do conselho.

1821 - Eleições gerais

As primeiras eleições gerais no Brasil ocorreram em 1821, para a escolha dos 72 representantes brasileiros junto à Corte de Portugal. Na ocasião, foi utilizada a Lei Eleitoral estabelecida pela Constituição Espanhola de 1812.

1828 - Eleição direta

A primeira eleição direta só aconteceu após a promulgação da Lei Eleitoral de 1828. Ela regulamentava as disputas apenas em âmbito municipal. Em 1881, foi promulgada a Lei Saraiva, em que as nomeações de senadores e deputados para a Assembléia Geral e Assembléias Legislativas provinciais e quaisquer autoridades eletivas seriam feitas por eleições diretas.

Fonte: http://www1.folha.uol.com.br/folha/especial/2002/eleicoes/curiosidades.shtml

................................................................................................................................................................

Outras curiosidades sobre eleições no Brasil:

Sistema presidencialista

Ao criar o sistema presidencialista, a primeira Constituição Republicana, em 1891, estabelecia que o presidente e o vice fossem eleitos por votação direta da nação. Suspensas após o golpe militar de 1964, as eleições diretas para presidente foram restabelecidas pela Constituição de 1988. Entre 1945 e 1960, o presidente e o vice eram eleitos de forma separada, ou seja, podiam ser de partidos ou coligações diferentes.

Voto feminino

Apesar da abertura do voto para as mulheres ter acontecido pela primeira vez em 1928, no Rio Grande do Norte, o sufrágio feminino só foi oficializado quatro anos depois, por meio de um decreto-lei assinado por Getúlio Vargas.

Permanência no poder

Getúlio Vargas foi o governante que permaneceu o maior tempo como presidente. Ele ficou no poder por 18 anos e sete meses. Sem contar os interinos, Jânio Quadros foi quem permaneceu o menor tempo - sete meses.

TSE

O TSE (Tribunal Superior Eleitoral) foi criado em 24 de fevereiro de 1932 e instalado em maio do mesmo ano, com o nome de Tribunal Superior da Justiça Eleitoral, sendo extinto em 1937, com a criação do Estado Novo. O TSE foi novamente criado, com o nome atual, em 1945, e instalou-se no Palácio Monroe, no Rio de Janeiro, sob a presidência do ministro José Linhares. Em abril de 1960, o Tribunal foi transferido para Brasília.

Primeira governadora

Em 1994, Roseana Sarney foi a primeira mulher a ser eleita governadora no Brasil, no Maranhão. Mas a primeira a governar um Estado foi Iolanda Fleming, em 1986, no Acre, para completar o mandato de Nabor Júnior.

Justiça Eleitoral

A Justiça Eleitoral foi criada pelo decreto 21.076 de 24 de fevereiro de 1932, sendo regulamentada pela Constituição de 1946 como um dos ramos do Poder Judiciário.

José Sarney

José Sarney foi o único vice a cumprir integralmente o mandato, de 5 anos (originalmente era de 6 anos, mas foi alterado para 5 pela Constituição de 1988), devido à morte de Tancredo Neves, em 1985. O político mineiro morreu em 21 de abril, aos 75 anos de idade, com infecção generalizada. No dia seguinte, Sarney assumiu oficialmente o cargo.

Voto secreto

O voto secreto só vigorou no país a partir do Código Eleitoral de 1932. A Lei Saraiva, de 1881, já estabelecia tal mecanismo, mas o código passou a não ter mais valor após a promulgação da Constituição de 1891, que estabelecia que o voto seria "descoberto".

Recorde de municípios

Minas Gerais é o Estado da Federação com maior número de municípios _853. São Paulo aparece em segundo, com 645, mas tem o maior colégio eleitoral do país.

Menores de 18 anos

Na eleição de 1989, o voto foi aberto aos analfabetos e maiores de 16 anos e menores de 18 anos, embora facultativo. O direito foi adquirido com a promulgação da Constituição em 1988.

Horário eleitoral

O horário eleitoral foi criado em 1962 por uma lei de autoria do deputado pernambucano Oswaldo Lima Filho. O objetivo era evitar que apenas candidatos ricos e poderosos tivessem acesso à TV e ao rádio.

Mandatos seguidos

Fernando Henrique foi o primeiro presidente a ser eleito para dois mandatos seguidos. Antes dele, Rodrigues Alves ganhou uma segunda eleição, em 1918, mas morreu antes de tomar posse. Getúlio Vargas, que chegou à Presidência em 1930 num golpe de Estado, voltou ao posto em 1951.

Voto direto

Até 1998, já foram eleitos 18 presidentes pelo voto direto. O primeiro foi Prudente de Moraes, em 1894. Depois da Segunda Guerra, somente três presidentes eleitos _Eurico Gaspar Dutra, Juscelino Kubitschek e Fernando Henrique _ chegaram ao fim de seus mandatos.

Voto direto

Prudente de Moraes foi o primeiro presidente eleito pelo voto direto, em 1894, sucedendo o general Floriano Peixoto. Ele recebeu 276.583 votos, numa época em cerca de 1% da população podia votar.
Fonte:http://votolivre.multiply.com/journal/item/11

Jovem é proibido de entrar nos EUA após enviar e-mail ofensivo a Obama


O adolescente britânico Luke Angel, de 17 anos, que mora em Silsoe (Reino Unido), foi proibido de entrar nos Estados Unidos por toda a vida depois que enviou um e-mail ofensivo para o presidente Barack Obama, segundo o jornal "The Sun".

O jovem alegou que mandou a mensagem depois de ficar bêbado enquanto assistia a um programa sobre os ataques de terroristas de 11 de setembro.
O FBI (polícia federal americana) interceptou o e-mail da Casa Branca e entrou em contato com as autoridades britânicas.

A polícia foi até a casa do adolescente e destacou que seu comportamento era "inaceitável".
"Eu não me lembro exatamente o que eu escrevi porque eu estava bêbado", disse ele ao "The Sun".

Fonte: http://www.tribunadabahia.com.br/news.php?idAtual=59151

domingo, 26 de setembro de 2010

A sete dias da eleição presidencial de 2010

Vamos acabar com esse tipo de político

Americano mora por cinco dias no banheiro para curar vício da internet

O norte-americano Mark Malkoff ficou trancado no banheiro de sua casa em Nova York (EUA) por cinco dias, entre 23 e 28 de agosto, para tentar curar seu vício em internet.

"Será que estamos tão viciados em tecnologia que o único lugar que podemos escapar é o banheiro?", questionou Malkoff, que, além da internet, não usou o telefone durante o período em que ficou trancado.

Ao sair do local, o jovem disse ser um homem mudado. "Eu me acostumei com o ritmo lento da vida. Mais gente deveria tentar", afirmou Malkoff, que levou apenas livros durante sua estadia no banheiro.

Fonte: http://www.tribunadabahia.com.br/news.php?idAtual=59148

Luiza Maia para Deputada Estadual


Uma vida dedicada ao povo


Formada em Letras com Espanhol pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), Luiza Maia fortaleceu sua atuação política nos diretórios acadêmicos e grêmios estudantis. Mais tarde, sua trajetória ficaria marcada por muitas batalhas em defesa do povo baiano.

Mulher corajosa e aguerrida, Luiza Maia trabalhou no Pólo Petroquímico, onde participou de intensos movimentos sindicais, a exemplo do resgate do Sindicato dos Trabalhadores Têxteis e do seu papel dirigente no Movimento Contra a Carestia.


Nos anos 80 integrou a coordenação da campanha local pelas "Diretas Já", numa clara demonstração de amor pela democracia. Assim, ela também deu sua voz aos manifestos que trouxeram a soberania de volta à Camaçari, que por conta disso, deixou de ser Área de Segurança Nacional.


Em 1982 veio o reconhecimento por sua garra, força e capacidade de liderança. Luiza Maia se elege vereadora e após quatro anos é nomeada para o cargo de Secretária de Educação e, posteriormente, diretora de Habitação.

A perseguição do grupo político que mandou em Camaçari por mais de uma década não fez com que Luiza Maia se abatesse. Em 1996 venceu mais uma eleição para vereadora, mas não exerceu mandato por conta da fraude eleitoral. Vale lembrar que o município teve quase 50 mil títulos cancelados entre 2000 e 2002.


Nas últimas eleições, Luiza Maia foi a candidata mais bem votada, com quase 4 mil votos. Em 2007 foi eleita para o cargo máximo da Casa Legislativa, a presidência. Foi segunda mulher a ocupar o cargo em 62 anos de história. Ela é também a primeira-dama do município e a primeira vereadora a conseguir a reeleição para a presidência.


Em sua gestão na Câmara, podemos destacar sua luta pela implantação da Delegacia de atendimento Especial às Mulheres, a campanha para abertura das Vias Alternativas ao pedágio na Estrada do Coco, a criação da Lei de criminalização da exploração sexual infanto-juvenil, além da implantação da TV Câmara, que aproximou o povo do legislativo; e também do Observatório Parlamentar da Juventude.


Ao lado do prefeito Luiz Caetano, ajudou a resgatar a identidade e alegria de Camaçari, equipando e estruturando a cidade, e valorizando seu povo, sua cultura. Agora é hora de Luiza Maia fazer mais pela Bahia. Toda essa experiência, que você já conhece, vai ajudar a presidente Dilma e o governador Jaques Wagner a continuar mudando a Bahia e o Brasil para melhor

Fonte: http://www.luizamaia13467.com.br/biografia

sábado, 25 de setembro de 2010

Em Salvador, Mano Menezes vê o Bahia pela TV e amanhã vai ao Barradão


Eric Luis Carvalho

O treinador da seleção brasileira, Mano Menezes, está em Salvador, onde amanhã (26) vai acompanhar a partida entre Vitória e Fluminense, no Barradão. O treinador está hospedado em um hotel no bairro de Stella Maris.

Pela TV, o treinador está acompanhando a partida entre Sport x Bahia, pela Série B. Com a presença do treinador da seleção brasileira será um ingrediente a mais na partida entre o Vitória, que vem de dois triunfos e o Fluminense, que reencontrou o caminho das vitórias, após golear o Galo Mineiro na última rodada.

Alguns dos destaques do Vitória são jogadores com idade olímpica, entre eles Elkson e Henrique, que vem sendo constantemente convocado nas seleções de base e tem agradado.

Com informações do Galáticos Online

1938 - Micareta - Cordão Deixe-me Viver


Por que sentimos mais fome no inverno?

O organismo usa sistemas reguladores para equilibrar o calor que o corpo produz e o que ele perde. No inverno, quando a temperatura é baixa, o organismo precisa agir rápido porque o ar frio faz o corpo perder mais calor. A fome ataca porque a alimentação serve para repor calor em forma da energia vinda dos nutrientes.

Fonte: Guia de curiosos da internet



sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Inhambupe


Por que sentimos calor em temperaturas acima de 30 graus se a média do nosso corpo é 36 graus?


O organismo produz e libera calor quando realiza as atividades do cotidiano. Quando a temperatura externa é igual ou maior do que a do corpo, o organismo tem dificuldade em trocar calor com o ambiente. Nesse caso, o suor funciona como mecanismo de defesa, resfriando o corpo.

Fonte: Guia de curiosos da internet