Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Saiba quais são os sinais de que você será promovido ou demitido


Anderson é um exemplo de quem soube aproveitar a chance


Algo de novo está no ar. O funcionário passa a ser comunicado com mais frequência sobre detalhes da empresa em um setor específico. Também está sendo convocado para reuniões. A opinião dele está sendo mais solicitada na tomada de decisões. Prepare-se! Podem ser sinais de uma promoção. Siga os sinais e concretize essa chance.

Anderson Mendes, 28, obteve sucesso e assumiu um novo cargo na Fundação Social Raimundo Fagner. “Senti que, constantemente, me perguntavam sobre horários disponíveis para a instituição, se eu estava estudando e quais meus planos para o ano seguinte”.

A companhia passou uma grande quantidade de conteúdos para ele estudar que tinham a ver com a possível futura nova função. Haviam detalhes que ainda não tinha tido acesso. Era uma grande chance que Anderson estava agarrando quase sem saber. “Estavam me pedindo opinião para coisas muito especificas e que exigiam de mim uma maior prontidão nas soluções a respeito dos desafios”, conta.

O resultado é que Anderson passou de Professor de Teatro a Coordenador Artístico Pedagógico. O salário dobrou. “Hoje consigo ver que a instituição estava passando por momentos de transição para se atualizar e melhorar ainda mais. Creio que a oportunidade veio no momento certo tanto para a instituição como para a minha carreira profissional”, relata.

Preparado?
Quando alguém é sondado para uma promoção, é porque foi analisado que tem capacidade para a nova função. É uma pessoa que tem a confiança dos gestores. Já deu alguma demonstração de que está adaptado ao perfil da instituição, conhece e cumpre as normas. Conforme Kleber Leite, consultor empresarial da Bratt Consultoria, o fato de não estar alinhado à empresa pode ser definitivo para não ser concretizada a promoção.

Kleber ressalta dois aspectos a serem cumpridos pelo profissional que está sendo avaliado. Para ele, é preciso agir de forma natural. A única mudança que deve observar é que passará a ter mais informações e situações que precisa manter sigilo.

“Tem que respeitar sempre os superiores e os colegas que continuam com as mesmas funções. Foi indicado pelo que ele vinha fazendo, então não deve mudar de comportamento neste caso. Tem que manter o grau da confiança”, orienta.

O consultor detalha que o funcionários será convidados para diversas situações sociais novas. Até nesses ambientes, será testado. “Não deve tratar os coordenadores como amigos. Em cada ocasião, tem que ser o que foi, mas também passar a ter essa linha de comportamento que aspire confiança”, reitera o consultor.

Fonte: http://www.opovo.com.br/app/opovo/empregosecarreiras/2015/01/17/notempregosecarreiras,3378346/os-indicativos-para-o-sucesso.shtml