Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

terça-feira, 23 de setembro de 2014

Ministério da Saúde prevê 600 vagas de medicina no interior da Bahia

Os novos cursos de medicina autorizados pelo governo federal prevêem a abertura de 600 vagas na Bahia. As cidades contempladas no estado são Alagoinhas, Eunápolis, Guanambi, Itabuna, Jacobina e Juazeiro, anunciadas no começo do mês como parte do programa Mais Médicos. Em todo país, serão 3,9 mil vagas de graduação médica nos 39 municípios escolhidos, com estimativa de cem vagas para cada instituição de ensino. 

 Todos os cursos serão particulares. Segundo a assessoria do Ministério da Saúde, o número de vagas tem essa previsão, mas ficará a cargo das instituições que vão dirigir os cursos, o que pode reduzir o número das vagas. Em visita ao interior de São Paulo (Cubatão e Guarulhos), quando oficializou a assinatura para abrir as primeiras faculdades de medicina anunciadas no dia 4 de setembro, o ministro da Saúde, Arthur Chioro, disse que os novos cursos devem iniciar as aulas até o segundo semestre de 2015. 

A Bahia foi o segundo estado com maior número de municípios escolhidos, com seis cidades apontadas. São Paulo, com 14 cidades anunciadas, é o que mais foi beneficiado. Ainda segundo o ministério, um edital será lançado nos próximos dias para que as empresas interessadas apresentem propostas para implantação dos cursos. Como pré-requisito, as instituições devem criar pelo menos cinco leitos no Sistema Único de Saúde (SUS) disponíveis por aluno, além de unidade com potencial para hospital de ensino. Ainda de acordo com o ministério, todas as cidades escolhidas têm 70 mil ou mais habitantes e estão no interior dos estados.

Fonte: http://www.bahianoticias.com.br/saude/noticia/12547-ministerio-da-saude-preve-600-vagas-de-medicina-no-interior-da-bahia.html