Veja no Blog

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

O novo amigo 2016

Me apresento dizendo que sejas muito bem vindo na minha vida. Nada contra o seu antecessor, ele foi legal, mas quero que você seja melhor que ele, e apesar de seres ainda muito jovem e ter que aprender muita coisa nesta sua gestão, confio em ti. Como todo mundo eu tenho planos para você. Aqui nós temos a mania de prometemos mudanças sempre que um ano novo chega. Achamos que só no dia da chegada dele é que devemos começar a mudar. É apenas puro simbolismo, pois se quisermos realmente mudar temos que ter determinação para fazê-lo de imediato. Aí sim, é mais garantia de sucesso. Alias, promessas de mudanças são o nosso carma. O ano inteiro prometemos que vamos mudar alguma coisa “a partir da próxima segunda-feira”, e aí estragamos tudo. Pois isso é apenas uma fuga para nos livrarmos do enfrentamento do problema naquele momento por comodismo, preguiça, falta de coragem e determinação.  Precisamos ter atitude e não esperamos a sua chegada pra “cumprir” o que desejamos e certamente fará parte do nosso universo de promessas vazias, caindo no “status quo”, “tudo como dantes no quartel de Abrantes”. Para mudar essa abominável rotina, vamos recebe-lo com alegria, fé, atitude e sem criarmos a expectativa de que você trará tudo pra nós de mão beijada. Obrigado, meu novo amigo! 

De Max Matos, Salvador (BA), max.coralgirassol@gmail.com
Espaço do Leitor do Jornal A Tarde publicado no dia 04 de janeiro de 2016.
Essa nota foi publicada com autorização do autor que agradeço muito.