Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Governo do Estado quer reduzir multas e parcelar dívidas para aumentar arrecadação

O governador Rui Costa deve encaminhar à Assembleia Legislativa, nesta segunda-feira (28), o projeto de lei que institui o Concilia Bahia – Programa de Transação Judicial e Extrajudicial de Créditos Tributários, voltado para a recuperação de créditos tributários inscritos em processos de execução fiscal. O programa prevê a atuação coordenada entre a Secretaria estadual da Fazenda (Sefaz), a Procuradoria Geral do Estado (PGE) e o Tribunal de Justiça.O objetivo é realizar um mutirão de negociação e agendar audiências de conciliação. Os atrativos para os devedores incluem redução de multas e acréscimos moratórios, além do parcelamento dos débitos em até 36 vezes. O período de conciliação previsto no projeto irá de 3 de novembro a 18 de dezembro. Para os débitos do ICM e ICMS, o Concilia Bahia prevê redução de 85% na multa por infração e nos acréscimos quando o pagamento for feito integralmente, à vista. O desconto será de 60% para quem fizer o parcelamento em até 36 meses, e de 25% para parcelamento em até 48 meses. Para os débitos de IPVA, ITD e taxas, os descontos em multas e acréscimos serão os seguintes: 85% para pagamento integral à vista, e 60% para parcelamento em até quatro meses. O valor de cada parcela deverá ser de no mínimo R$ 200. Para o governo, facilitar a regularização da situação dos contribuintes com o fisco implicará na recuperação de créditos tributários pelo Estado e na redução do acervo de processos das Varas da Fazenda Pública. 

Fonte: http://www.bahianoticias.com.br/noticia/179341-governo-do-estado-quer-reduzir-multas-e-parcelar-dividas-para-aumentar-arrecadacao.html