Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Impeachment só ocorrerá se PMDB sair do governo, diz Nunes; PSDB apoiará processo

O senador Aloysio Nunes (PSDB-SP) afirmou nesta segunda-feira (17) que seu partido dará apoio caso um processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff seja aberto pela Câmara dos Deputados. Segundo informações do jornal O Estado de São Paulo, o congressista ponderou, no entanto, que ainda não há condições para o impedimento, o que só ocorrerá quando o PMDB sair do governo. “O fato é que nós, hoje, vivemos uma situação de impasse. O governo não consegue governar, e não há alternativa política para ele ainda configurada”, disse Nunes, que foi vice na chapa do senador Aécio Neves (PSDB-MG) nas eleições de 2014 para a Presidência da República. Apesar de avaliar que o momento ainda não seja perfeito para o pedido de impeachment, o tucano acredita que já há elementos jurídicos para a abertura do processo, e que a ‘sorte’ da petista são os grandes empresários, que começaram a expressar “temor de que os custos de um impeachment sejam mais graves, sejam mais pesados do que o custo da manutenção da presidente Dilma. “Se o empresariado, especialmente o empresariado do setor das comunicações, entender que o custo da permanência da presidente é maior do que o custo da saída, o PMDB desembarca [do governo]”, aposta ele, que participou neste domingo (16) de protesto pedindo a saída de Dilma em Brasília. 

Fonte: http://www.bahianoticias.com.br/noticia/177308-impeachment-so-ocorrera-se-pmdb-sair-do-governo-diz-nunes-psdb-apoiara-processo.html