Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

quinta-feira, 5 de março de 2015

Anderson Silva fala sobre doping: "Muito ruim para mim e o esporte"

"Sumido" da mídia desde a divulgação dos resultados positivos de seus exames antidoping pré-luta e pós-luta contra Nick Diaz no UFC 183, o lutador brasileiro Anderson Silva reapareceu nesta quarta-feira, em vídeo publicado pelo site especializado em celebridades "TMZ Sports". "Spider" foi parado do lado de fora de um restaurante em Los Angeles, onde mora, e respondeu a perguntas sobre a presença de substâncias proibidas em seu organismo nos testes.

- Eu não sei o que aconteceu. Estou surpreso. Quando meu manager me ligou e disse, "Você tem um problema, porque você foi pego no teste na comissão, é ruim", eu disse, "O que?" Eu não sei o que aconteceu - declarou Anderson ao site.

O ex-campeão dos pesos-médios comentou a especulação de que teria usado drostanolona e androsterona para ajudar na recuperação da perna esquerda, que fraturou numa luta contra Chris Weidman em dezembro de 2013. Ele disse ter ouvido sobre essa possibilidade, mas que não acredita que essa seja a razão do exame positivo. 

- Sim, mas eu acho que não. Eu preciso checar todos os suplementos que uso, porque nunca falhei com a comissão e neste esporte. Eu estou muito feliz porque a comissão me ajuda, e eu ajudo a comissão, vou trabalhar junto com a comissão, porque acho que isso é ruim para o esporte. É tão ruim para mim e minha vida, porque nunca usei nada para mudar minha performance na luta - lamentou.

Anderson Silva ainda negou que sua reputação esteja manchada e afirmou que espera voltar a lutar em 2016. 

- Acho que não (manchou meu legado). Vou esperar meu médico e o médico da comissão, pelos testes de todos os suplementos, e quando a comissão disser que acabou, vou voltar a lutar e vou falar com os meus fãs. Acho que no ano que vem (volto a lutar).

Spider ainda comentou o desejo da equipe de Nick Diaz de que o resultado da luta, vencida pelo brasileiro por decisão unânime, fosse anulado.

- Acho que deveríamos dar a revanche para o Nick. Sim, claro. Estou pronto. Eu respeito a comissão. Quando tudo isso acabar, eu vou enfrentar Nick de novo.

Ele insistiu no tema quando foi indagado sobre a potencial aposta de US$ 1,6 milhão do rapper e ator 50 Cent na vitória de Floyd Mayweather contra Manny Pacquiao. 

- Ei, 50, você precisa colocar esse dinheiro na minha próxima luta contra Nick Diaz! - brincou. 

Fonte: http://www.camacarinoticias.com.br/leitura.php?id=288009