Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

sexta-feira, 22 de agosto de 2014

ALUNOS DA REDE MUNICIPAL DE ENSINO TERÃO PALESTRAS DO PROERD


Alunos da 5ª série do ensino fundamental de quatro escolas da rede municipal de Inhambupe serão contemplados com as palestras do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência) a partir do dia 3 de setembro, entre elas as escolas municipais Amélia Magalhães, Maria José Reis e Josafá Alves e o Centro Escolar Ednoélia de Souza Reis. “É muito importante essas palestras para os nossos alunos, assim eles saberão dos perigos de se envolverem no mundo das drogas e aprenderão a se defender”, assinalou a secretária de Educação do município, Iranilda Figueiredo.

O programa é fruto de uma parceria entre a Polícia Militar, a Secretaria de Educação e a família dos alunos, que aprendem assim a se prevenir contra o abuso de drogas e a violência entre os estudantes, bem como ajudá-los a reconhecer as pressões e as influências diárias, desenvolvendo habilidades para resistir a elas.

As palestras – realizadas por policiais devidamente fardados, acompanhados com o professor em sala de aula e com o auxílio de um livreto com 17 ensinamentos sobre os cuidados e as formas de prevenção ao uso de drogas e à violência nas instituições de ensino – serão oferecidas todas as quintas-feiras até o final do ano e coordenadas pelo capitão Júlio Mendes e o sargento Alex Cunha, que assim dão continuidade ao programa implantado no município desde o ano passado. O Proerd é inspirado no programa americano DARE (Drug Abuse Resistence Education). Na Bahia, dezenas municípios já participaram do programa.

Os policiais destacaram a importância da experiência, citando alguns casos emblemáticos envolvendo alunos e seus familiares. O capitão Mendes explicou que as orientações passadas aos alunos em sala de aula, fazem com que eles repassem também para sua família. “Temos um depoimento de uma jovem que ao realizar um trabalho em casa sobre os riscos do fumo fez com que sua avó largasse de fumar. Isso que nos deixa felizes e com força para continuar o nosso trabalho”, contou o militar.


Fonte: ASCOM de Inhambupe