Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Veja como foi a Sessão da Câmara de Vereadores de Inhambupe dessa terça dia 30-08-2016

A Sessão da Câmara de Vereadores de Inhambupe começou por volta das 17h34min e terminou ás 19h05min.
Como acontece no final de cada mês teve tribuna livre, e dessa vez teve a presença do Presidente do Sindicato dos Servidores Público de Inhambupe Ronaldo Leite que falou sobre a importância da Câmara, disse que o Sindicato tem 9 anos e fez parte da fundação e que nos últimos anos ficou inerte e muitas vezes na justiça, falou que o Sindicato era morto, parado e desacreditado pelos os trabalhadores, e que agora tem cerca de 430 filiados e nos últimos 8 meses entrou cerca de 168 pessoas para se filiar, agradeceu pela a aprovação do Estatuto do Servidor que tinha 45 anos, falou que espera que a gestão envie para a Casa o Plano de Cargos e Salários, terminou dizendo que foi comprado a Sede do Sindicato e que não irá jogar seu nome por ser Presidente do Sindicato.
O Vereador Uelson falou sobre as reivindicações do transporte escolar em que muitos alunos estão indo a pé para a escola e a empresa fala que a culpa são dos ônibus amarelinhos, falou da falta de água no Botelho e que já tem a bomba, falou da falta de iluminação pública, as péssimas estradas e da falta de merenda em algumas escolas.
O Vereador Jeovan falou sobre o trabalho de Ronaldo Leite que mostrou compromisso na frente do Sindicato do Servidor Público de Inhambupe e que a máquina funciona quando quer, falou que o novo gestor deverá fazer uma auditoria antes de assumi a Prefeitura e falou que Inhambupe não compra nada e não tem crédito.
O Vereador Dr. Miguel falou que tem um problema muito sério no Caps da Cidade, em que pacientes solicita da casa uma solução imediata, pois estão agonizando e precisa que tenha um terapeuta, segurança, psiquiatra, entre outros profissionais, falou que mudou de casa que era própria e agora é alugada, que a própria serve de moradia de particulares, falou que no Caps não tem medicamento, falou que tem duas caçambas em que uma trabalha e a outra não, falou também que no Mercado de Carnes tem funcionários que não faz o seu serviço.