Veja no Blog

quarta-feira, 6 de abril de 2016

Veja como foi a Sessão da Câmara de Vereadores dessa teça(05-04-2016)











 


A Sessão da Câmara de Vereadores de Inhambupe durou 4 horas e 15 minutos, começando por volta das 17h15min e terminando 21h30min, foi demorada mesmo, onde no final teve a fala da Coordenadora da APLB professora Janete.
O Vereador Dai começou falando sobre a segurança do município que está deixando a desejar, dizendo quando liga para a Polícia e muitas vezes não é atende, e quando atende demora, falo que é um absurdo, falou que nunca acaba a reforma da quadra do Novo Inhambupe, falou também que os moradores do Pau Ferro irão fazer um bingo para consertar a quadra antes que aconteceu uma tragédia e que o não tem mais poste de sustentação, falou que o Poder Público não olha a Zona Rural, falou também que os professores merecem o melhor, pois o que seria das crianças se não fossem esse profissionais e finalizou dizendo que o Professor é a Peça principal da Educação.
O Vereador Dr. Miguel falou que a água potável e que é servida nas Comunidades foi detectado Coliformes fecais e ecole através de estudos, citou alguns lugares como a Lagoa Comprida, Lagoa Branca, Araçatuba, Campo Grande entre outros, e que chegam a mais de 54% tem fezes, e pede que o Poder Público resolva essa situação, falou que as comunidades estão ingerindo água com fezes e verminoses e sem nenhuma solução e com falta de compromisso e respeito com o povo, onde a sociedade vai morrendo aos poucos, falou também que tem mais de 10 famílias morando próximo a Ladeira do Tabuleiro, as margens da BR 110, pois não tem saneamento básico, sem energia elétrica e o pior correndo risco de ser atropelado pelo os veículos, falou que a gestão está preocupada em vereador não crescer,  falou que é preocupante a atual situação financeira da cidade, que a merenda escolar tem um valor de quase 3 milhões de reais e afirma que tem escola que tem merenda ou dia sim outro não, falou que a paralisação da educação é justa e terminou dizendo que o Poder Público tem compromissos eleitoreiros.
O Vereador José Uelson chamou atenção em nome da comissão em apoiar o Servidor Público e principalmente a categoria da Educação que se sente ameaçado em paralisar, onde volta-se o regime militar em que a gestão coibi a paralisação, falou que os ônibus amarelinhos não tem condições, chamou atenção da EMBASA em descumprir os serviços públicos, onde a Barroquinha é um exemplo que é cheios de buracos por causa do serviço da Empresa de água e aumenta o descaso da Prefeitura, falou que o Bairro da Santa Luzia é deprimente onde tem dois meses sem água, falou que a região da Pedreira e do Novo Inhambupe não tem água, nem segurança, e que é estarrecido a falta de limpeza nos Mercado de Carne e de Cereais, onde também não tem banheiros.
O Vereador Marcos falou da atual situação da educação, sempre defendeu autonomia entre os poderes e falou da falta de respeito da Secretaria de Educação em não comparecer a Câmara e que não padronizou as escolas com as cores da bandeiras que o azul e branco e disse que irá fazer uma representação com mandado de segurança para que compareça a Câmara, disse que o município vem sendo negociado em favor da troca de barganha, que a classe da educação parou para defender o município e que a gestão não tem referencia.
O Vereador falou da Fundação São Camilo que foi inaugurado no último domingo dia 03 de abril, onde parabenizou a Presidente Cecília Pinho de Cristo, falou que a EMBASA vem deixando algumas comunidades sem água como: Pau Ferro, Terra Vermelha, Flores, entre outros, e também na Barroquinha, Linha Verde e disse que é uma concessão do município, além também que deixa muitos buracos nas ruas depois de um trabalho de canalização.
O Vereador Fabrício Mateus falou em respeito da água na Aldeia e que algumas pessoas estão quebrando a transmissão e desviando o liquido, falou que ele juntou com o Vereador Uelson visitou a empresa de transporte onde irão visitar todos as escolas, nos próximos 25 a 30 dias o transporte terá um conforto melhor segundo a empresa falou para os vereadores, falou da sua culpa em apoiar e ter colocado o Prefeito mas não apoia nenhum candidato do atual governo, falou dos professores que são formadores de opinião.
O Vereador Eliezer falou que nada pega nele, elogiou a Professora Edilza que foi vereadora no passado.
A vereador Izabel pediu que a Coordenadora fosse ouvida.
A Coordenadora Janete falou para todos os vereadores e os professores presentes junto com todos, onde falou sobre os três dias de paralisação.