Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Veja como foi a Sessão da Câmara de Vereadores de Inhambupe dessa terça(10-11-2015)

 







A sessão da Câmara dessa terça-feira(10) começou com uma hora de atraso, começou às 18 horas e durou 1h31min, esse atraso foi devido uma reunião com a Secretária de Saúde com a maioria dos vereadores na sala do Presidente da casa e o Vereador Jeovan não fez parte dessa reunião.

O Vereador Fabrício Mateus falou da moção de repudio da embasa pela a falta de água e espera que tome providencias, disse que a água da Baixa Grande é administrada por essa empresa, que o povoado de Serragem sempre falta água, falou do transporte escolar e questionou a Mota transporte que o problema mais grave são os alunos especiais que não estão usando essa condução, e espera a empresa lhe dê o retornou até sexta senão ele irá tomar as devidas providencias na segunda-feira próxima.

O Vereador Dr. Miguel falou sobre o questionamento do transporte escolar para os alunos especiais que foram retirados de forma irresponsável, disse que é preciso fazer algumas coisas para que volte a circular, falou que no Bairro do Novo Inhambupe é tratado como não se tivesse moradores, falou que o matagal tomou conta das praças, ruas, posto de saúde e igreja, falou que na quadra de esporte do Novo Inhambupe que todos os vereadores comentam que precisa melhorar, disse que no Entrocamento de Sátiros Dias o carro de coleta só pega o lixo a cada 8 dias, falou que é importante que convoque o Secretário de Infraestrutura para falar sobre esse problema e disse que Inhambupe irá continuar desse jeito, disse que falou com a Secretária de Ação Social que lhe apresentou um relatório que disse que tem o prazo para a entrega das casas do programa “Minha Casa Minha Vida” até março de 2016, falou que encontrou um ônibus amarelinho do transporte dos estudante na BR 110 que conseguir ultrapassar o seu veiculo com mais de 130km/h e o permitido para o transporte dos estudante é de 70km/h, onde o ônibus não tem estrutura para ultrapassar o seu limite de velocidade, falou que a Polícia Militar em nome do Capitão Plínio que vem fazendo um excelente trabalho de prevenção.

O Vereador Marcos falou para que o Presidente reveja o horário e que o ideal seria que volte para as 18 horas, disse que não tem mais nada a dizer da gestão e disse que o Prefeito jogou a toalha, disse que o governo é um desastre, que não é cumprido os 200 dias letivos, a cidade tomadas de lixo, os carros oficiais não tem condições, falou que a Secretária de saúde se reuni com os vereadores em sala trancada, e disse que a Secretária era para falar sobre o seu trabalho, disse que tem um governo municipal desastrado, e falou que mais uma vez se brinca de ser vereador.

O Vereador Jeovan falou sobre o seu requerimento da convocação da Secretária de Saúde e que faria algumas perguntas como de qual cidade? Qual a experiências? Qual forma chegou até Inhambupe? E a convocação era para ser no plenário da casa e não na sala trancada com os vereadores, o vereador iria fazer outras perguntas como: Quais os seus procedimentos? Por que demitiram pessoas de Inhambupe e contrataram pessoas de fora? Fale sobre o lixo hospitalar, e disse que está indignado, disse que esteve na rádio 93 FM de Inhambupe no qual falou do atrasos dos salários, falou que na Ladeira do Tabuleiro não tem água há 15 dias, e encerrou dizendo que não estava ali para se trancar com Secretária de Saúde.

O Vereador Eliezer falou que as Flechas era necessário fazer mais um contrato de aluguel, o Vereador Fabrício falou que a Secretária se posicionou para ir ao plenário, o Vereador Querido falou que a Secretária de Saúde não fugiu e convocou Jeovan para a reunião no qual se recusou a comparecer na sala. O vereador Uelsou pediu para fazer um pacto para melhorar a vida da população, a Vereadora Izabel falou que a Secretária de Saúde foi corajosa em aceitar a pasta da saúde.