Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

sábado, 18 de abril de 2015

Bico premiado: fala de Argôlo na Operação Lava Jato deixa políticos baianos apreensivos

O depoimento do ex-deputado federal Luiz Argôlo (SD-BA), iniciado nesta quinta-feira (16) e finalizado nesta sexta (17), está deixando amedrontada a cena política baiana. Segundo informações chegadas ao Bahia Notícias, Argôlo teria contado muito além das expectativas iniciais, demarcando ligações entre figurões da política baiana – prioritariamente ligados ao PP – e o escândalo de desvios de recursos por intermédio do doleiro Alberto Youssef. A revolta do ex-progressista (hoje solidário) seria resultado de uma promessa não cumprida: em troca do silêncio, Argôlo não seria preso na Operação Lava Jato. Além dele, outros ex-deputados baianos, a exemplo de Mário Negromonte, atual conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), e João Leão, vice-governador da Bahia, e o deputado federal Roberto Britto (PP-BA) foram arrolados no processo, encaminhado pelo juiz Sérgio Moro ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Fonte: http://www.bahianoticias.com.br/noticia/170845-bico-premiado-fala-de-argolo-na-operacao-lava-jato-deixa-politicos-baianos-apreensivos.html