Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

terça-feira, 16 de setembro de 2014

Revista é retirada das bancas por envolver nome de governador em suposto esquema da Petrobras

A revista ISTOÉ será retirada das bancas por envolver o nome do governador do Ceará, Cid Gomes, no suposto esquema da Petrobras. Por decisão judicial, a edição desta semana não vai circular nas bancas de todo o País.
O governador teria recebido um e-mail da equipe da revista e na mensagem, o nome dele estaria envolvido no suposto esquema. Cid Gomes decidiu procurar a justiça por considerar que, ter seu nome relacionado ao escândalo seria "calúnia", "difamação" e lhe causaria "dano moral".
A juíza Maria Marleide Maciel Queiroz analisou a queixa do governador e decidiu impedir a circulação da edição desta semana da ISTOÉ. 
Cid Gomes informou por meio de nota que vai processar a revista. Ele classificou a acusação como uma "armação criada por adversários". O governador diz acreditar que por trás da especulação exista uma "tentativa de interferir na disputa eleitoral no Ceará". 
De acordo com a ISTOÉ, o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, que está prestando depoimentos ao Ministério Público teria citado o nome do governador, envolvendo ele no suposto esquema de corrupção. 
Ciro informa que nunca teve envolvimento algum com o ex-diretor, "muito menos qualquer conversa indecente ou corrupta".
A revista ISTOÉ informa que também vai recorrer à justiça para pedir que seja garantido "seu direito de informar à sociedade".
Com informações O Globo e Consultor Jurídico 

Fonte: http://www.dm.com.br/texto/190962--revista-e-retirada-das-bancas-por-envolver-nome-de-governador-em-suposto-esquema-da-petrobras