Impostômetro de Inhambupe

Veja no Blog

sexta-feira, 26 de agosto de 2016

Morte de negros por armas de fogo no Brasil é 2,6 vezes maior que de brancos

Morte de negros por armas de fogo no Brasil é 2,6 vezes maior que de brancos
Foto: Raphael Alves / TJAM
 
O número de mortes de negros no Brasil provocadas por arma de fogo aumentou de 20.291, em 2003, para 29.813, em 2014. Já a quantidade de homicídios também causados por ama de fogo na população branca caiu de 13.224 para 9.766. 
 
Os números apontam que a proporção de mortes de negros para brancos saltou de 1,7 para 2,6 vezes. Os dados são do Mapa da Violência, levantamento coordenado pelo pesquisador Julio Jacobo Waiselfisz, divulgado nesta quinta-feira (25). 
 
Ainda de acordo com o estudo, 42% dos assassinatos ocorrem na região Nordeste do Brasil, enquanto 94,4% das vítimas são homens. A publicação revela, ainda, uma linha ascendente na participação de crimes de arma de fogo no Brasil nos últimos anos. Entre 1983 e 2004, a taxa saltou de 36,8% para 70,7%. Entretanto, após Estatuto e Campanha do Desarmamento, a proporção parou de crescer. O estudo mostra também que as políticas de controle de armas, sancionadas em 2004, podem ter evitado até 2014 outros 133.987 homicídios no país. O número de vítimas de armas de fogo, entretanto, cresceu. Em 2014, o Brasil registrou recorde, com 42.291 homicídios, o que representa aumento de 15% em relação a 2004, quando 36.115 morreram. 
 
Fonte: http://www.bahianoticias.com.br/noticia/195137-morte-de-negros-por-armas-de-fogo-no-brasil-e-26-vezes-maior-que-de-brancos.html